Marcha pelo Dia Mundial do Orgulho LGBT – 28 de Junho – Florianópolis/SC

Dia-do-Orgulho-LGBT-2013 - Floripa

O Grupo ACONTECE – Arte e Política LGBT nasce com a finalidade fundamental de organizar o maior número de pessoas interessadas em defender e promover por meio da Política, Arte e Cultura o direito à liberdade da orientação sexual e identidade de gênero bem como a promoção da autoestima e cidadania de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (LGBT).

No mundo inteiro, tradicionalmente celebra-se o chamado Dia do Orgulho LGBT no dia 28 de junho. A significância da data é o marco do início do movimento LGBT. Neste dia, em 1969, ocorreu na cidade de Nova Iorque o que veio a ser conhecida como a Rebelião de Stonewall. O Stonewall Inn era (e ainda é) um bar de frequência LGBT que sofria repetidas batidas policiais sem justificativa. Naquela noite, os frequentadores se revoltaram contra a polícia e o tumulto que se seguiu durou três dias, mudando para sempre as atitudes repressivas das autoridades perante as pessoas LGBT. Deu-se início à luta em prol da liberdade de expressão e igualdade de direitos de LGBT. A partir de então este dia é celebrado como uma expressão de orgulho – e não de vergonha – de assumir publicamente a sua orientação sexual e identidade de gênero LGBT.

O Grupo ACONTECE – Arte e Política LGBT junta-se a diversos setores da sociedade, movimentos sociais, grupos e demais companheir@s para relembrar esta data reivindicando o FIM DA HOMOFOBIA NO BRASIL. Em 2012 foram documentados 338 assassinatos de LGBT em nosso país, um assassinato a cada 26 horas. O Brasil confirma sua posição de primeiro lugar no ranking mundial de assassinatos homofóbicos, concentrando 44% do total de execuções de todo o planeta. Para que este verdadeiro massacre acabe, exigimos a votação e aprovação IMEDIATA do PLC 122 que torna a Homofobia crime no Brasil.

Ainda lutamos pela lei que regulariza o casamento entre pessoas do mesmo sexo; e a manutenção de um Estado verdadeiramente laico, onde religião e política sejam coisas distintas, erradicando a influência de setores fundamentalistas no legislativo nacional, sendo estes os maiores responsáveis por todo conservadorismo resultante nesta onda de violência, morte e retrocesso nas políticas públicas.

Homofobia não se justifica, se combate. Somos todos iguais.

Venha para as ruas!!

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s